Receita: Mac & Cheese light

O Macaroni & Cheese é uma receita americana tradicional que foi lançada há um tempo em caixinhas, bem prático de fazer. Todo mundo que viaja para os EUA, além de comer e aprovar, ainda traz várias caixinhas para estocar.
No entanto, tudo que é uma delícia tem muita caloria né? E como as calorias nunca são isoladas, ainda tem o lance do sódio, o teor de gordura, carboidrato etc, etc, etc.
essas informações nutricionais são referentes a UM QUARTO da caixinha!
 
Esse final de semana eu assisti a um vídeo do Cozinha para 2 (recomendo muito esse canal! Além de os vídeos serem super curtinhos – uns 2 minutos no máximo -, a edição que eles fazem é fantástica!) e rolou uma reprodução do Mac&Cheese de dar água na boca!
Como a vida fitness além dos treinos diários ainda envolve todo um LIFESTYLE, lá fui eu para a cozinha tentar criar minha versão light, integral, fitness etc! Lá vai:
1. Cozinhar uns 200 gramas de macarrão integral, no corte que preferir, escorrer e reservar.
 
2. Bater com um garfo em um recipiente à parte: 
  • 2 colheres de queijo cottage
  • um ovo
  • 100ml de leite (usei o desnatado)
  • sal à gosto
  • pimenta do reino à gosto
  • noz moscada à gosto (opcional)

 

3. Misturar esse molho no macarrão cozido e adicionar parmesão ralado (essa é a parte não-fitness da receita, kkkkkkkk… mas que dá o toque especial do gratinado).
4. Levar ao forno a 200ºC por uns 20 minutos ou até o queijo derreter. 
 
 

 

5. Retirar do forno e atacaaaarr!!

 

Fica a dica de um prato rápido e um pouco mais light do que a versão normal.
Eu adorei o resultado, se fizerem a receitinha me contem como ficou!
Um beijo!
Continue Reading

Comi e gostei: Bar Veloso!

Faz tempo que não posto nada sobre lugares bacanas e gordices, né? Andei nessa onda de papo fitness por um tempo, mas para emagrecer tem que ter o que queimar e a função desses posts de gordinho é mostrar como eu ~com muuuuuuito esforço~ faço isso! hahahahaha
Hoje o post é sobre meu bar FAVORITO de São Paulo!
Quem conhece um pouco a cidade de São Paulo, sabe que aqui temos opções quase que infinitas de lugares legais para comer e beber, mas o Veloso ganhou meu coração desde a primeira vez em que fui lá e repito o lugar várias vezes sem pestanejar! Aliás, eu nunca ouvi alguém comentar que não gostou de lá, só ouço coisas positivas desse bar há tempos.
Agora vamos ao que interessa: A COMIDA.
Dentre as várias porções maravilhosas que o bar serve, o carro chefe deles com certeza são as famosas coxinhas. Não tem como ir lá e não comê-las, simples assim. Acho que se o mundo fosse acabar amanhã, meu último desejo seria comer milhões de coxinhas do Veloso! kkkk
São de longe as melhores coxinhas que eu já comi na vida: massa excelente, casquinha excelente, fritura sequinha excelente, recheio de frango com catupiry mega blaster excelente, enfim! É a excelência sem limites, kkkk.
E como o docinho não pode faltar, para a sobremesa: os deliciosos churros!
Os churros vem sem recheio, só polvilhados com açúcar e canela, para a pessoa se servir ou com doce de leite, ou com Nutella. Tem como isso ser ruim? kkkk
Agora a outra parte que nos interessa: A BEBIDA.
Como se não bastasse o bar ser excelência nas coxinhas e nos churros, os caras ainda conseguem ser bons nas caipirinhas!
A grande sacada são as caipirinhas de frutas da estação, ou seja, conforme a época do ano o cardápio de caipirinhas muda!
A minha favorita de todas é a de pitaya com abacaxi e um toque de coco! É simplesmente divina!
Não é à toa que o bar já ganhou inúmeros prêmios da Veja SP Comer & Beber! No site deles tem a relação de todos os prêmios. 😉
Outro ponto favorável do bar é a localização dele, na Vila Mariana. Pertinho da Paulista, a três quadras do metrô Ana Rosa, ou seja, para happy hours é perfeito.
Espero que tenham gostado da dica gastronômica, vale muito a pena conhecer!
Um beijo!
Obs: algumas fotos desse post foram retiradas do Google. 
Continue Reading

Comi e gostei: Sr. Temaki

Temaki de atum com cream cheese e cebolinha
 
Quem me conhece um pouco sabe que uma das minhas culinárias preferidas é a japonesa (talvez porque esteja no sangue, né? Hahahaha).
Na cidade onde moro tem algumas opções legais de restaurantes japoneses e esse Sr. Temaki acaba ganhando o coração do pessoal pelos temakis diferentões que oferecem no cardápio.
Além da diversidade de sabores, o tamanho dos temakis é algo bem chamativo ~gordo só pensa em gordice~, sendo o maior de 180 gramas e o menor de 100 gramas… ambos bem servidos e sem miséria de peixe! Nham nham!!
No horário do almoço eles ainda oferecem algumas opções de combos executivos, que eu ainda não tive a oportunidade de experimentar, mas assim que eu provar eu venho e conto aqui para vocês como é.
Nota saudável sobre comida japonesa que aprendi esse final de semana, no instagram da academia onde eu treino (@bioritmo_oficial)
 
 
Tentei variar um pouco do salmão e também me adequar à “realidade low calories” pela qual eu estou passando e confesso que não me arrependi, a opção de temaki de atum, apesar de não muito usual, é ótima também!
E vocês, qual temaki escolheriam? 
Continue Reading