Review: Dale Milanesa

Esse final de semana o blog foi convidado para conhecer um restaurante novo que abriu nos Jardins, especializado em pratos à milanesa, o Dale Milanesa.

A proposta da casa é servir pratos à milanesa, no sistema fast food – a gente pede e paga o pedido no balcão e o garçom entrega na mesa. Adoro essa simplicidade de atendimento e sou muito a favor dessa vibe do “cliente se virar sozinho”. Torço muito para que isso vire moda nos restaurantes e cafés de São Paulo. 🙂

dalemilanesa_1

O Dale me conquistou primeiramente com a playlist: pop rock nacional dos anos 80. Sabem as famigeradas músicas de karaokê que todo mundo sabe cantar? Pois é. Capital Inicial, Kid Abelha, Titãs e outros sons fizeram parte da trilha sonora do nosso jantar. Gostei do som, da iluminação e principalmente da decoração do Dale (sou apegada à decoração dos lugares, me deixem :P).

 

parede

Também achei muito interessante a ~sistemática~ do cardápio, composto basicamente de filés e hambúrgueres, além de petiscos e sobremesas.

A gente escolhe o tipo da carne (lembrando que tudo lá é à milanesa), escolhe o topping (cheddar + barbecue, marguerita, muçarela, 4 queijos ou rúcula + tomate cereja), escolhe 2 acompanhamentos (purê de batata, salada, arroz, chips de batata inglesa ou chips de batata roxa) e voi lá! Com os hambúrgueres a sistemática é quase a mesma: a gente escolhe o tipo da carne e depois os “pertences” do lanche (barbecue, clássico, cebola caramelizada ou jalapeño).

Eu pedi um filé mignon, topping de rúcula + tomate cereja (amo rúcula!), chips de batata inglesa e salada.

Eu gostei o filé. A carne não é muito alta, estava bem passada e a casquinha muuuuito crocante! Os chips de batata também estavam uma delícia, mas confesso que prefiro batatas fritas em outro formato, tipo aquelas rústicas, sabem? Minha nota para o filé é 8, considerando a espessura da carne, que pelo meu gosto pessoal, poderia ser um pouco maior e também pelas batatas. O preço desse prato é R$36.

file

Meu namorado pediu um hambúrguer de cebola caramelizada. O hambúrguer foi um show a parte. Eu jamais imaginei comer um hambúrguer empanado e digo que superou todas as minhas expectativas! A carne também estava bem passada, a casquinha muuuuito crocante e a cebola caramelizada no melaço de cana estava muuuito deliciosa. O pão carimbado com o logo do restaurante também era um charme. Resumindo: não sei o que dizer, apenas sentir. Nota 10! O hambúrguer saiu R$26.

hamburguer

Chegada a hora tão esperada: a sobremesa. Quem me conhece sabe que sou um tanto anormal e não como sorvete, mas com aquelas casquinhas tão crocantes, foi impossível não pedirmos o tal do sorvete à milanesa.

sorvete

Mesmo sem ser fã de sorvete, eu gostei muito da sobremesa! A ganache de chocolate soava quase como uma pornografia gastronômica caindo sobre a bola de sorvete à milanesa. E claro, mais uma vez, a casquinha estava estupidamente crocante. Elevou o nível de dignidade do sorvete. O sorvete saiu por R$12.

Chamei meu namorado, que ama sorvete, para dar a nota para a sobremesa, já que não sou uma boa referência para sorvetes, rs. Palavras dele: “daria nota 8. Não achei a casca sabor chocolate tão saborosa, faltou sabor de chocolate de verdade e o sorvete poderia ser mais cremoso… depois de frito/quente, o sorvete ficou muito aguado. “.

 

Conclusão: gostamos muito do ambiente, da comida, do atendimento e da proposta do Dale Milanesa. Os preços e as porções são honestos. Vale a visita! 😉

O Dale Milanesa fica na Alameda Santos, 843, nos Jardins, em São Paulo. Abre de segunda à sábado no horário do almoço e de quinta à sábado no período da noite. O Dale também está no Facebook (clique aqui).

Espero que tenham gostado e sentido um pouco do CROC CROC dos pratos do Dale! <3

 

Siga o blog nas redes sociais:

Facebook | Instagram | Twitter | Snapchat: robertaluglio

Facebook Comments